Colmeia dos Livros

Resenha | Strange Angels, de Lili St. Crow

segunda-feira, julho 22, 2013 Conrado Dittrich 0 Comentários

Título original: Strange Angels
Série: Strange Angels (Volume #1)
Autor: Lili St. Crow
Número de Páginas: 288
Editora: Novo Século
Tradução: Giorgio Cappelli
Sinopse: O Mundo Real é um lugar apavorante. Basta perguntar para Dru Anderson, uma órfã de 16 anos - garota durona que já acabou com sua parcela de bandidos. Ela está armada, é perigosa e está pronta para atirar primeiro e perguntar depois. Então, vai levar um tempo até que ela possa descobrir em quem confiar. Dru Anderson se acha estranha por mais tempo do que é capaz de se lembrar. Ela viaja de cidade em cidade com seu pai, caçando coisas que nos aterrorizam à noite. Era uma vida bem esquisita, mas boa - até que tudo explode em uma cidade gélida e arruinada de Dakota, quando um zumbi faminto arromba a porta da cozinha. Sozinha, aterrorizada e sem saída, Dru vai precisar de cada pedacinho de sua esperteza e treinamento para continuar viva. Seres sobrenaturais decidiram ser os caçadores - e desta vez, Dru é a presa. Chance de sobrevivência? De pouca a nenhuma.

Desde que eu vi a capa deste livro na internet, logo me interessei por ele. Ao pesquisar mais sobre a obra de Lili St. Crow, fiquei ainda mais curioso pela história de Dru Anderson, que reúne suspense, terror e praticamente nada de romance.

Strange Angels começa e vai direto ao ponto. Nele, tudo flui facilmente e a autora não tem medo de abusar dos detalhes mais profundos da protagonista - como quando ela sente vontade de "fazer xixi" diversas vezes. Essa profundidade da personagem, de certa forma, me fez gostar ainda mais dela. Há uma humanidade em Dru que pouco se vê nos filmes e livros.

Os poucos personagens presentes no livro - aqueles que não são monstros na maior parte do tempo - são muito bem explorados, apesar da visível característica de mistério acerca da personalidade deles. Graves, o mais novo - e único - amigo de Dru, mostra uma personalidade bem forte e interessante, o que faz o personagem ser muito carismático. Apesar disso, o mistério maior está na personalidade de Christophe, um dito "caçador" que surgiu do nada e pede a confiança de Dru. É claro que ela não é burra e pede inúmeras explicações à ele, mas sem obter muito sucesso.

A maior parte destes mistérios são revelados lá pelo final do livro e apresentam uma sub-trama bem interessante, que pode ser bem utilizada na sequência da série. Ainda temos muito para descobrir sobre a família de Dru.

É impossível não perceber que a autora se inspirou na série de televisão Supernatural. Mas as semelhanças estão apenas na "caçada de seres sobrenaturais", pois este mostra uma garota sozinha em um mundo cheio de suspense. Na série, temos dois irmãos lutando juntos contra o mal.

Algo realmente chato na tradução brasileira, foram as gírias desnecessárias. Me incomodou bastante ficar lendo "cê" no lugar de "você" todo tempo (o que acontece somente nos diálogos). Posso estar exagerando, mas também me incomodei com o fato de terem traduzido "bolsa" como "sacola". APESAR disso, não há muito o que atrapalhe na tradução. Se ler alguém dizendo que ficou burro por causa do livro, desconsidere o exagero. As gírias estão presentes sim, mas não interferem na qualidade da escrita, na riqueza de detalhes descritos pela autora e muito menos na nossa inteligência - se há inteligência. ["Não existe gente burra. Só existe gente com preguiça de ser inteligente."] O curioso é o fato de que no final do livro, não vi mais nenhuma gíria, o que me fez me perguntar se trocaram o tradutor no final.

Diferente de todos os livros de ficção para jovens, este explora um lado bem interessante de uma personagem feminina. Ela não tem super poderes, nem treinamento adequado. É apenas uma garota tentando sobreviver no mundo das sombras, com o que pouco tem nas mãos.

Strange Angels proporciona uma leitura bem gostosa e rápida, sem muita enrolação. Seus personagens são bem carismáticos e a trama segue consistente até o final. É uma boa opção pra quem quer uma estória sem muito compromisso e que tem uma profundidade bacana. Daria um ótimo filme...

O segundo e terceiro volumes já foram lançados pela Novo Século no Brasil (a série é composta por cinco livros) e não me arrependo de ter abraçado esta série. Estou mais do que curioso pela sequência, Traições.

POSTS RELACIONADOS

0 comentários