Colmeia dos Livros

Resenha | Deixe a Neve Cair

domingo, dezembro 15, 2013 Conrado Dittrich 0 Comentários

Com uma compilação de três divertidos e belos contos natalinos, Deixe a Neve Cair é escrito por John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle. Nesta resenha, decidi falar um pouco sobre cada conto e, ao final, sobre todo o conteúdo.

Título original: Let it Snow
Autor: Maureen Johnson, John Green e Lauren Myracle
Número de Páginas: 336
Editora: Rocco
Tradução: Mariana Kohnert

Na noite de Natal, uma tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio para encontros românticos. Em “Deixe a Neve Cair”, bem sucedida parceria entre três autores de grande sucesso entre os jovens, John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson escrevem três hilários e encantadores contos de amor, com direito a surpreendentes armadilhas do destino e beijos de tirar o fôlego. E provam que o amor verdadeiro pode acontecer quando e onde menos se espera.


O Expresso Jubileu
Neste conto, conhecemos a divertida Jubileu, que começa sua narração de um jeito não muito delicado, mas tão divertido quanto se espera. Logo de início, nos simpatizamos com a personagem e passamos a entendê-la de um jeito fascinante. Sua jornada, depois de seu trem rumo à Flórida atolar, começa quando entra na Waffle House - a única lanchonete aberta na véspera de Natal da região. Lá, ela conhece Stuart, um cara bacana, mas que guarda uma grande tristeza em seu coração. Ao conhecer melhor o garoto, Jubileu descobre que tem muito em comum com ele e se sente bem acolhida quando é convidada a passar o natal com sua família. É nessa pequena aventura que presenciei uma explosão de sentimentos e doçura que nunca havia notado antes nas pessoas. Cada personagem tem seus ideais, sentimentos e determinações - o que me fez acolhê-los em meu coração e sentir a verdadeira magia do Natal...

O Milagre da Torcida de Natal
Escrito pelo famoso John Green, é o conto mais fraco, na minha opinião - mesmo que tão divertido quanto os outros. Ele acompanha a jornada de Tobin e seus amigos, a garota Duke e o festeiro JP, enquanto eles se aventuram até a Waffle House, após receberem uma ligação do amigo dizendo que líderes de torcida estavam aos montes na lanchonete. Durante o percurso, algumas coisas dão erradas e o romance é deixado um pouco de lado, dando mais lado para a aventura do trio. Essa decisão deixou o conto bem divertido, mostrando a união e a amizade que existe entre os três. É impossível não se encantar com Duke e se simpatizar com Tobin. Green sabe mesmo como descrever cenas e personagens, dando uma quantidade incrível de características para ele.

O Santo Padroeiro dos Porcos
Um conto mais melancólico e, muitas vezes, irritante. Nele, Addie se sente miserável desde o término do seu namoro e, no dia depois do Natal, precisa provar que não é egoísta e passa a reviver seu passado, ao realizar uma tarefa que lhe foi imposta. A narrativa já começa com o típico dramalhão adolescente e inúmeras vezes me senti incomodado com o exagero da garota - ela parece ser incrivelmente irritante. Mesmo assim, decidi continuar e me surpreendi com a maneira na qual tudo isso vai se desenrolando em uma história muito bonita, na qual vemos que a amizade e o amor que sentimos pelas pessoas são verdadeiras preciosidades. Addie precisa descobrir tudo isso da pior maneira possível e, ao final, passamos a amá-la pelo que ela representa: todos nós.


Deixe a Neve Cair
Juntando três grandes autores da atualidade, o livro surpreende por ser tão singelo, elegante e trazer várias ligações entre todos os personagens dos contos. A escrita é muito inteligente e não deixa que nada fuja do contexto muito bem trabalhado pelos autores - mesmo abusando dos artifícios clichês que todo romance traz. A trama, aliás, lembra bem uma história cinematográfica...

Usando de uma data tão especial, que é o Natal, a história consegue trazer à tona o que tem de melhor na gente e me fez pensar mais no que eu faço ou não para as pessoas que amo. Essa é a verdade essência dos contos: mostrar as diversas formas de se amar e ser amado.

Lidando com o verdadeiro amor entre as pessoas, Deixe a Neve Cair traz todo o espírito natalino e prova que a "Magia de Natal" realmente existe...
Esta obra deve estar na estante de todo apaixonado e deveria ser lida em todo Natal.

Nota:
* A Paramount Pictures já adquiriu os direitos de adaptação para o cinema e posso dizer que estou muito ansioso pra ver isso - muito mesmo!

POSTS RELACIONADOS

0 comentários